Sorgo

Sabia que o sorgo pode se um importante componente do seu cardápio de alimentação funcional? Veja o porquê e como usar!

Quinto cereal mais produzido no mundo, o sorgo faz a mesa de quem quer uma alimentação saudável.

Os motivos são fáceis de entender: pode ser cultivado mesmo sob condições consideradas adversas, é altamente nutritivo e versátil na cozinha.
Apesar de ser muito conhecido para alimentação animal, o sorgo é uma importante matéria-prima para a produção de pães e biscoitos.

Então, se você está pensando em produzir um cardápio saudável com diferenciais na panificação, vale a pena saber mais sobre esse cereal.

Produtos à base de sorgo CISBRA

Veja quis são como utilizar os produtos à base de sorgo

image far sorgo branco saquinho original removebg preview (1)

Farinha de sorgo branco

• Produto proveniente da moagem dos grãos integrais, que são previamente beneficiados, classificados e selecionados, garantindo a segurança e qualidade do alimento.
• Farinha integral, disponível em granulometria fina.
• Produto acondicionado em sacarias de polipropileno de 25kg.
• Boa fonte de calorias devido à grande quantidade de carboidratos.
• Os minerais presentes são: enxofre, fósforo, potássio, magnésio e cálcio.

INDICAÇÃO DE USO

• Utilizado na elaboração de farinhas em indústria de panificação, para elaboração de pães, biscoitos e outros produtos.

Informação Nutricional

Porções por embalagem: 555 (25 Kg) Porção: 45g (1/2 x´ícara)
100g % VD (*) 45g % VD (**)
Valor Energético 328 kcal 16% 148 Kcal 7%
Carboidratos 64g 21% 29g 10%
Açúcares Totais 2,4g 1,7g
Açúcares Adicionados 0g 0% 0g 0%
Proteínas 11g 22% 4,9g 10%
Gorduras Totais 3,1g 5% 1,4g 2%
Gorduras Saturadas 0,2g 1% 0,1g 1%
Gorduras Trans 0g 0% 0g 0%
Fibra Alimentar 7,6g 30% 3,4g 14%
Sódio 1,2mg 0% 0mg 0%
*”Percentual de valores diários fornecidos por 100g” ** “Percentual de valores diários fornecidos pela porção”
sorgo vermlho

Farinha de sorgo vermelho

• Produto proveniente da moagem dos grãos integrais, que são previamente beneficiados, classificados e selecionados, garantindo a segurança e qualidade do alimento.
• Farinha integral disponível em granulometria fina.
• Produto acondicionado em sacarias de polipropileno de 25kg.
• Boa fonte de calorias devido à grande quantidade de carboidratos.
• Os minerais presentes são: enxofre, fósforo, potássio, magnésio e cálcio.

INDICAÇÃO DE USO

• Utilizado na elaboração de farinhas em indústria de panificação, para elaboração de pães, biscoitos e outros produtos de panificação.

Informação Nutricional

Porções por embalagem: 500 (25 Kg) Porção: 50g (1/2 x´ícara)
100g % VD (*) 50g % VD (**)
Valor Energético 332 Kcal 17% 164 Kcal 8%
Carboidratos 70g 23% 35g 12%
Açúcares Totais 2,6g 1,3g
Açúcares Adicionados 0g 0% 0g 0%
Proteínas 8,9g 18% 4,5g 9%
Gorduras Totais 1,8g 3% 0,9g 1%
Gorduras Saturadas 0,2g 1% 0,1g 1%
Gorduras Trans 0g 0% 0g 0%
Fibra Alimentar 8,2g 33% 4,1g 16%
Sódio 1,2mg 0% 0,6mg 0%
*”Percentual de valores diários fornecidos por 100g” ** “Percentual de valores diários fornecidos pela porção”
sorgo branco em graos

Sorgo branco em grãos

• Produto proveniente de processos de beneficiamento, classificação e seleção, garantindo a segurança e qualidade dos grãos.
• Produto acondicionado em sacarias de polipropileno de 25kg.
• Boa fonte de calorias devido à grande quantidade de carboidratos.
• Os minerais presentes são: enxofre, fósforo, potássio, magnésio e cálcio.

INDICAÇÃO DE USO

• Utilizado na produção de cereal matinal e outros alimentos saudáveis.
• Utilizado na elaboração de farinhas em indústria de panificação, para elaboração de pães, biscoitos e outros produtos.
• Pode ser utilizado para o preparo de pipoca.

Informação Nutricional

Porções por embalagem: 555 (25 Kg) Porção: 45g (1/2 x´ícara)
100g % VD (*) 45g % VD (**)
Valor Energético 328 Kcal 16% 148 Kcal 7%
Carboidratos 64g 21% 29g 10%
Açúcares Totais 2,4g 1,7g
Açúcares Adicionados 0g 0% 0g 0%
Proteínas 11g 22% 4,9g 10%
Gorduras Totais 3,1g 5% 1,4g 2%
Gorduras Saturadas 0,2g 1% 0,1g 1%
Gorduras Trans 0g 0% 0g 0%
Fibra Alimentar 7,6g 30% 3,4g 14%
Sódio 1,2mg 0% 0mg 0%
*”Percentual de valores diários fornecidos por 100g” ** “Percentual de valores diários fornecidos pela porção”
sorgo vermelho em graos

Sorgo vermelho em grãos

• Produto proveniente de processos de beneficiamento, classificação e seleção, garantindo a segurança e qualidade dos grãos.
• Produto acondicionado em sacarias de polipropileno de 25kg.
• Boa fonte de calorias devido à grande quantidade de carboidratos.
• Os minerais presentes são: enxofre, fósforo, potássio, magnésio e cálcio.

INDICAÇÃO DE USO

• Utilizado na produção de cereal matinal e outros alimentos saudáveis.
• Utilizado na elaboração de farinhas em indústria de panificação, para elaboração de pães, biscoitos e outros produtos de panificação.
• Pode ser utilizado para o preparo de pipoca.

Informação Nutricional

Porções por embalagem: 555 (25 Kg) Porção: 45g (1/2 x´ícara)
100g % VD (*) 60g % VD (**)
Valor Energético 324 Kcal 16% 147 Kcal 7%
Carboidratos 68g 23% 31g 10%
Açúcares Totais 2,5g 1,1g
Açúcares Adicionados 0g 0% 0g 0%
Proteínas 9,0g 18% 4,0g 8%
Gorduras Totais 1,8g 3% 0,8g 1%
Gorduras Saturadas 0,2g 1% 0,1g 1%
Gorduras Trans 0g 0% 0g 0%
Fibra Alimentar 8,3g 33% 3,7g 15%
Sódio 2,0mg 0% 0,9mg 0%
*”Percentual de valores diários fornecidos por 100g” ** “Percentual de valores diários fornecidos pela porção”

Flocos de sorgo

• Produto proveniente de processos de beneficiamento, classificação e seleção, garantindo a segurança e qualidade dos grãos.
• Produto acondicionado em sacarias de polipropileno de 25kg.
• Boa fonte de calorias devido à grande quantidade de carboidratos.
• Os minerais presentes são: enxofre, fósforo, potássio, magnésio e cálcio.

INDICAÇÃO DE USO

• Utilizado na produção de cereal matinal e outros alimentos saudáveis.
• Utilizado na elaboração de farinhas em indústria de panificação, para elaboração de pães, biscoitos e outros produtos de panificação.

Informação Nutricional

Porções por embalagem: 833 (25 Kg) e 16 (500g) Porção: 30g (2 colheres de sopa)
100g % VD (*) 30g % VD (**)
Valor Energético 324 Kcal 16% 99 Kcal 5%
Carboidratos 68g 23% 21g 7%
Açúcares Totais 2,5g 0,8g
Açúcares Adicionados 0g 0% 0g 0%
Proteínas 9,0g 18% 2,7g 5%
Gorduras Totais 1,8g 3% 0,5g 1%
Gorduras Saturadas 0,2g 1% 0,1g 1%
Gorduras Trans 0g 0% 0g 0%
Fibra Alimentar 8,3g 17% 2,5g 10%
Sódio 2,0mg 0% 0,6mg 0%
*”Percentual de valores diários fornecidos por 100g” ** “Percentual de valores diários fornecidos pela porção”
CONTÉM GLÚTEM
Ingredientes: Flocos integrais de Sorgo Vermelho.
ALÉRGICOS: PODE CONTER AVEIA, CENTEIO, CEVADA, TRIGO, TRITICALE E SOJA

O que é sorgo?

O Sorghum bicolor – ou simplesmente sorgo – é um cereal cuja produção mundial fica atrás apenas do trigo, arroz, milho e cevada.

Muito usado na alimentação humana nos países da América Central, Ásia e África (de onde é originário). No Brasil, o cereal só foi introduzido no século XX e se destacou pelo custo de produção menor que o do trigo.

Apesar de ter sido mais utilizado para a alimentação bovina no princípio, seu alto grau nutricional está fazendo com que se destaque na mesa do dia a dia. Principalmente na produção de pães, bolos e biscoitos.

Há cinco tipos de sorgo, com características bem diferentes:

Granífero

De porte baixo, seu principal produto é o grão. O restante da planta pode ser usado como pastejo, feno ou novamente incorporada ao solo. Esse é o tipo mais cultivado.

Sacarino

De porte alto e poucas sementes, tem caule rico em açúcares. Por isso, é usado na entressafra da cana-de-açúcar para a produção de álcool e açúcar, assim como na produção de silagem de qualidade.

Forrageiro

Também de porte alto, pode chegar a mais de 2m de altura. Com muitas folhas e poucas sementes, esse tipo de sorgo é mais comum para o trato animal, especialmente pastejo, fenação, alimentação do gado e cobertura morta no plantio direto.

Vassoura

Esse tipo de sorgo é muito utilizado para a fabricação de vassouras, por causa da forma de sua panícula, principalmente no Rio Grande do Sul. O restante da planta pode ser usado para alimentação animal.

Biomassa

Com poder calorífico similar ao da cana, do eucalipto e do capim-elefante, o sorgo de biomassa é destinado à produção de energia.

Como usar o sorgo e seus benefícios

Um dado curioso sobre o sorgo é que, por ser produzido em regiões semi-áridas ou em época seca, o grão cresce limpo e sem microrganismos, um fator importante para a indústria de alimentos.

Tem alto valor nutricional, contendo substâncias potencialmente úteis para quem trabalha com a linha de alimentos funcionais.

Algumas variedades de sorgo apresentam elevados níveis de compostos antioxidantes, como polifenóis e taninos.

Estas substâncias protegem o organismo da ação danosa dos radicais livres que estão ligados a processos degenerativos, como o envelhecimento precoce das células e câncer.

Composição nutricional parecida com a do milho

A composição nutricional do sorgo é parecida com a do milho, com diferenças insignificantes para a nutrição humana. Se, por um lado, o sorgo é pouco menos energético que o milho, por outro ele possui cerca de 1% a mais de proteína.

Porém, a quantidade de proteínas do sorgo em grão depende de sua variedade, podendo atingir entre 7% a 15% — principalmente albuminas e globulinas. Já o amido representa de 70% a 75% do grão inteiro e compreende a maior fração de carboidrato existente no grão.

O sorgo também é uma boa fonte de vitaminas do complexo B e vitaminas lipossolúveis A, D, E e K, além de zinco, cobre, ferro, magnésio e fósforo. E pode ser usado na produção de mingaus, cuscuz e até bebidas, como a cerveja.

Faça download do nosso
catálogo

Com mais de 30 anos de atividade, mantendo o compromisso de disponibilizar grãos e cereais para o setor de panificação. Desde o início, o objetivo principal foi fomentar o mercado de farinhas caseiras, naturais e integrais, por intermédio da parceria com agricultores especializados na produção de centeio, triticale, trigo, aveia, cevada e linhaça marrom.

Atenta às demandas da indústria de alimentos, a empresa avaliou os benefícios da linhaça na alimentação humana, que contribuíram como incentivo para uma série de pesquisas em parceria com universidades e profissionais de nutrição.

A união dos esforços no desenvolvimento e produção industrial da semente resultou no lançamento da linha Lino Live, pioneira na comercialização de produtos como farinha integral, grãos e óleo de linhaça.

CISBRA

O elo entre o campo e a indústria

A missão e os valores da CISBRA são pautados em uma história que começou em 1977, na cidade de Ijuí (Noroeste do Rio Grande do Sul), pela família Thomas. Em razão da aptidão agrícola do município, o grupo familiar decidiu investir na comercialização dos cereais que eram cultivados na região.

Depois de quase duas décadas de comércio varejista, chegou o momento de mudança no modelo de negócios. Em 1992 foi criada a Comercial Importadora Sul Brasileira LTDA (CISBRA).

O novo empreendimento manteve o foco no desenvolvimento local e iniciou a venda de matérias-primas utilizadas na produção de farinhas e pães. Passaram a adquirir produtos como centeio, triticale, trigo, aveia, cevada e linhaça marrom, produzidos por agricultores residentes nas imediações de Ijuí.

Com o crescimento da demanda pelos grãos de linhaça, na época utilizada principalmente na alimentação animal, a CISBRA deu início ao beneficiamento e comercialização da linhaça marrom em grãos e farinha. O produto chamado Raça Lux é um suplemento alimentar ofertado para equinos, com destaque para os cavalos de competição e enduros.

A trajetória da empresa foi pautada em reunir os cultivares da região e transformá-los em produtos alimentícios destinados aos animais e humanos. Por isso, em meados da década de 2000 surge a linha Lino Live, pioneira na produção de farinha integral de linhaça, grãos e óleo de linhaça destinados à alimentação humana.

Entretanto, para alcançar a qualidade dos produtos comercializados na atualidade, foram necessários estudos e pesquisas, realizados em parceria com universidades e especialistas em nutrição. Na mesma época, a CISBRA firmou uma parceria com agricultores da região para a introdução da primeira lavoura de linhaça dourada.

Atenta a essa condição, a CISBRA continua a firmar parcerias e investir em ciência e tecnologia para que o cultivo da semente seja ampliado no território nacional. A empresa iniciou em 2020 dois projetos de pesquisa em parceria com a Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (UNIJUÍ).

A primeira iniciativa tem objetivo de desenvolver estratégias de manejo para a cultura de linhaça. Com transferência de tecnologia e boas práticas ambientais, será possível maximizar a produtividade e a qualidade dos grãos utilizados no setor industrial.

Tão importante quanto aprimorar o manejo é investir no melhoramento genético dos grãos, por isso, o segundo projeto agronômico que a CISBRA participa está focado na seleção e caracterização de genótipos de alta qualidade para a linhaça.

Desse modo, a CISBRA mantém a missão de produzir matérias-primas de alta qualidade para a indústria de alimentação. Promovendo o intercâmbio entre as diversas etapas da cadeia produtiva, a empresa demonstra que é possível produzir alimentos com certificação de origem e adaptados ao clima nacional.

Gostou do produto?

Solicite um orçamento abaixo!

Envie seu currículo

Vaga para
Unidade*
Nome*
Email*
Anexe o seu currículo
Maximum file size: 10 MB
Forneço meu consentimento para receber comunicações e, estou ciente que, posso revogá-lo a qualquer momento através do "Canal de comunicação LGPD".
Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com a Política de Cookies.